Hiper conveniência do varejo: você já ouviu esse termo?

Você já ouviu falar em hiper conveniência do varejo? Talvez o termo ainda seja estranho aos seus ouvidos, mas se trata de um conceito que está em crescimento em todo o mundo e que pode representar uma grande oportunidade de negócio.

Compreender sobre a hiper conveniência do varejo pode abrir a sua mente para empreender em algo que é uma tendência, porém ainda pouco explorado pelas empresas. Se você sair na frente, poderá ter boas possibilidades de lucro. Siga lendo e saiba mais!

Afinal, o que é hiper conveniência do varejo?

A palavra “hiper” é um prefixo que indica avanço ou superação. Ela é usada quando queremos dizer que  algo é extraordinário, que ultrapassa determinado limite. 

Já o termo “conveniência”, de acordo com o Dicionário Online de Português, pode ser definido como “o que pode saciar o gosto, o conforto ou o bem-estar de uma pessoa”. 

Uma loja de conveniência, portanto, é um estabelecimento que serve para que os consumidores comprem produtos que eles necessitam na hora, como alimentos e itens de higiene pessoal.

Mas, então o que seria a hiper conveniência do varejo? A resposta é simples e basta unir os conceitos das duas palavras que se aglutinam. Trata-se de uma conveniência que é extraordinária, que vai além do que se geralmente se espera desse tipo de negócio.

A hiper conveniência do varejo é algo que gera muita praticidade para o cliente, fazendo com que ele encontre os produtos que quer comprar em locais extremamente práticos para ele, como o pátio do condomínio

Por que a hiper conveniência está crescendo tanto?

São diversos os fatores que fazem com que a hiper conveniência do varejo esteja em alta. Um deles é o fato das pessoas terem rotinas cada vez mais corridas, tendo que se dedicar muito ao trabalho, à família e outras questões pessoais.

Logo, não sobra muito tempo para fazer compras no supermercado, por exemplo. Assim sendo, se os produtos estão hiper localizados, fica mais fácil de ter as necessidades sanadas, sem que para isso seja necessário fazer muito esforço.

A hiper conveniência do varejo também cresceu muito por conta da pandemia de Covid-19. Com o risco de serem contaminadas pelo novo coronavírus, as pessoas estão saindo menos de casa e não se sentem seguras para frequentar determinados estabelecimentos, como supermercados, que têm uma grande uma circulação de pessoas.

De tal maneira, as lojas que oferecem opções de hiper conveniência, tornando as experiências de compra mais práticas e seguras para o consumidor, ganham preferência e tendem a lucrar mais.

Como os varejistas podem desenvolver estratégias de hiper conveniência?

Para investir em hiper conveniência no varejo e ter um bom retorno financeiro é necessário agir com estratégia. Veja algumas maneiras como os varejistas podem se aproveitar desse conceito para lucrar mais.

Entregas via drone

As entregas por drone são uma tendência que deve ganhar muitos adeptos em poucos anos. O delivery de comida, por exemplo, já testou essa atividade, como mostra uma reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo.

De acordo com a matéria, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) já autorizou as operações com drone no Brasil. As empresas interessadas  já podem usar essa tecnologia para agilizar entregas.

Ainda segundo o Fantástico, um trajeto que levava 12 minutos para ser feito por um motoboy, por exemplo, é reduzido para apenas 2, com o drone. Isso faz com que a hiper conveniência no varejo aconteça, já que o produto estará no local do cliente, em pouquíssimo tempo.

Centros de logística mais distribuídos

Para que a hiper conveniência do varejo tenha sucesso, a logística das empresas precisa se reinventar. Cada vez mais veremos centros de operações mais bem distribuídos pelas cidades e não localizados apenas nas capitais, por exemplo.

A ideia é que as pessoas tenham os pedidos de suas compras online atendidos prontamente. Também por conta da pandemia, houve um crescimento exponencial das compras online. 

Pessoas mais velhas e conservadoras, que nunca tinham feito uma compra online, agora adquiriram essa prática. No entanto, para se destacar da concorrência, as entregas devem ser feitas com muita agilidade.

Lojas de conveniência autônoma

Entre os negócios mais promissores de hiper conveniência do varejo, estão as lojas de conveniência autônoma como a Onii. São espaços comerciais que podem funcionar em empresas ou condomínios, fazendo com que os produtos estejam muito próximos ao cliente.

A facilidade de compra nas lojas da Onii não acontece apenas porque os itens estão perto do consumidor. A experiência também é muito interessante, tendo em vista que tudo é feito de forma autogerenciável, sem que se tenha contato com ninguém.

Para entrar na loja, o cliente utiliza um aplicativo para ler um QR Code na fechadura. Depois disso, o app também é usado para escanear os códigos de barras dos produtos, que são colocados no carrinho.

Ao término, o cliente finaliza a compra e o valor gasto é cobrado no cartão de crédito previamente cadastrado no app. Tudo é muito rápido, prático, simples e inovador. Essa é uma excelente maneira de proporcionar a hiper conveniência do varejo aos consumidores.

Quem deseja empreender e ser dono de um comércio desse tipo, pode se tornar um licenciado Onii. Dessa maneira, representará a nossa marca e poderá ser o responsável por uma loja do tipo, que dá a garantia de bons lucros.

A hiper conveniência do varejo é algo que veio para ficar! Invista nessa área e veja como você terá uma excelente lucratividade, em negócios promissores.

Quer ficar por dentro de outras novidades interessantes como essa? Então assine a nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos no seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close Bitnami banner
Bitnami