O mercado autônomo e autogerenciável está cada vez maior

O mercado autônomo e autogerenciável tem crescido de forma considerável em todo o mundo. Cada vez mais as pessoas estão fazendo as tarefas elas mesmas, sem a necessidade de interagir com terceiros.

O conceito também tem crescido, de acordo com o avanço da tecnologia.

Você já tinha parado para pensar sobre isso? É esse assunto que discutiremos neste artigo. Confira algumas reflexões e novidades sobre o tema, nos tópicos a seguir.

O crescimento do mercado autônomo no mundo

Um exemplo claro do crescimento do mercado autônomo e autogerenciável são as transações bancárias.

Até poucos anos atrás, para alguém saber quanto dinheiro tinha guardado na poupança ou para fazer qualquer tipo de movimentação, era necessário ir até uma agência do banco em que era correntista.

Com o internet banking, isso deixou de ser necessário. Hoje em dia, qualquer pessoa pode fazer as suas próprias transações bancárias pela internet, fazendo o uso de um aplicativo.

Até mesmo o fato de fazer pesquisas é automatizado nos dias de hoje. Antigamente, antes de existir o Google e outros buscadores, se quisesse saber  o significado de algo, o indivíduo precisava consultar em uma enciclopédia.

Caso não tivesse um livro desse tipo em casa, era necessário ir até uma biblioteca ou livraria para ter acesso à obra.

A tendência é que nos próximos anos o crescimento do mercado autônomo e autogerenciável no mundo continue constante. Prova disso são os carros que circulam sem motorista, que já são uma realidade.

Uma reportagem do portal Olhar Digital traz informações sobre o R2, primeiro veículo autônomo autorizado a circular sem supervisão humana. Com esse carro, o transporte de mercadorias e pessoas pode ser realizado, sem que seja necessário ter um motorista que faça a condução.

Realmente estamos vivenciando uma nova cultura, onde as experiências são cada vez mais autônomas e as pessoas buscam e dão preferência por esse tipo de atividade.

A pandemia do novo coronavírus também tem contribuído para isso.

Para se proteger da contaminação, as pessoas necessitam manter o isolamento ou distanciamento social.

Ter contato direto com indivíduos desconhecidos se tornou um perigo para a saúde e isso causará impactos sociais na forma como nos relacionamos com as pessoas, mesmo quando existir uma vacina para prevenir o vírus e a pandemia estiver totalmente controlada.

As lojas autônomas para empresas e condomínios

Dentro dessa tendência mundial, que tem gerado um crescimento do mercado autônomo, e autogerenciável, um novo ramo de negócio está surgindo.

Tratam-se das lojas autônomas, que podem ficar localizadas em locais estratégicos de empresas e condomínios.

Essas lojas funcionam dentro de containers totalmente fechados. Não há vendedor ou qualquer funcionário que fique na loja, exceto o repositor de produtos, que faz o seu trabalho uma vez por dia ou a cada período determinado.

O funcionamento das lojas do mercado autônomo é simples e conta com o apoio da tecnologia. A primeira coisa que o cliente deve fazer é baixar o aplicativo do estabelecimento em seu celular.

O app conta com um QR Code, que deve ser lido por um dispositivo localizado na porta da loja. Assim que a leitura for realizada, a porta se abre e o cliente pode entrar para escolher os produtos que deseja adquirir.

Dentro do container ficam localizados os produtos disponíveis para venda. Para comprar algo, basta o cliente usar o aplicativo para escanear os códigos de barras dos itens que deseja adquirir.

Depois de escolher tudo o que precisa, basta finalizar a compra.

O pagamento é feito por meio do cartão de crédito do cliente, que precisa ser previamente cadastrado no sistema. Feito tudo isso, basta sair da loja e fechar a porta, tudo de forma autônoma e autogerenciável, sem ter contato com ninguém.

O mercado autônomo como uma oportunidade de negócio

A alta do mercado autônomo gera uma grande oportunidade de negócio, principalmente para quem deseja empreender.

As lojas autônomas, por exemplo, estão em constante expansão e a tendência é que cada vez mais condomínios e empresas tenham despertado o desejo de contar com um container de produtos para que moradores e funcionários possam fazer compras.

Para o empreendedor, esse tipo de negócio gera muito lucro, tendo em vista que demanda pouco trabalho. Não é preciso pagar funcionários para atender clientes na loja, de modo que as despesas com salários e encargos trabalhistas é praticamente nula.

Vale destacar que já existem empresas que fornecem toda a infraestrutura e montagem das lojas autônomas. Os empreendedores podem ser parceiros e representantes dessas marcas, como a Onii.

Além das lojas em containers, que são ideias para os pátios dos condomínios e empresas, também existem outras modalidades do negócio.

Exemplo disso são as Lojas de conveniência de comida, que podem ser dispostas em empresas, escolas, hotéis, hospitais e diversos outros locais em que há grande circulação de pessoas.

Nesse caso, o funcionamento é similar ao dos containers. O cliente escolhe o produto que deseja na loja, faz o pagamento pelo aplicativo, com o cartão de crédito, e pronto!

O futuro já começou e o mercado autônomo já é uma realidade. Por isso, você que está buscando uma forma de empreender e aumentar os seus lucros, não pode deixar de considerar essa opção, que é demasiadamente inovadora.

Para continuar por dentro de assuntos relacionados a esse mercado, não deixe de assinar a nossa newsletter. Assim, sempre poderemos enviar novidades em primeira mão, direto na caixa de entrada do seu e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close Bitnami banner
Bitnami